Tiago Gouvêa

Blog

Como aprender a programar – Campus Party

Em 28 de Janeiro apresentarei na Campus Party a palestra “Como aprender a programar”, e como é um assunto repleto de detalhes estou publicando este post para dar suporte ao conteúdo.

As perguntas principais quando se pensa em aprender a programar são “qual linguagem escolher”, “onde estudar online”, “por qual linguagem começar”… e por ai vai.

Apresentação


Porque aprender a programar?

Programação é sofrimento e aprender nunca é tão fácil. Mas também é criar coisas que nunca existiram, bolar soluções para problemas reais (ou virtuais), organizar informações e sempre conhecer coisas novas.

Hoje em dia ser da área de Tecnologia da Informação, é ser um profissional desejado. Se você tem bom conhecimento e sabe realmente resolver problemas, terá sempre ótimas oportunidades, além de se divertir um bocado programando.

Outro ponto que devo ressaltar é que se você está lendo isso ou assistindo meu conteúdo, é bem provavel que você já tenha uma “forte inclinação” a querer programar.

 

O que faz um programador?

Faz código, muito código! “Código” não tem nada a ver com “senha“. Quando se escreve um programa, se escreve código; são linhas e mais linhas de instrução que fazem o computador entender o que você deseja que ele faça. O computador é burro, sozinho ele não faz absolutamente nada. Tudo o que existe nele foi programado (linha a linha) por programadores.

É claro que um desenvolvedor faz outras coisas… muitas vezes faz a análise do problema, desenha modelos, configura servidores, mas no final sempre precisa escrever código.

Muita gente nunca viu um código de programação, não sabe como é. Separei algumas imagens aleatórias de pequenos trechos de códigos meus pra você dar uma olhada. O importante aqui é você pensar se quando vê, acha “feio” e não te chama a atenção, ou se te deixa curioso e te atrai a entender mais o que é e para que serve.


Screen Shot 2015-07-28 at 19.47.23 Screen Shot 2015-07-28 at 19.48.37

Screen Shot 2015-07-28 at 19.54.57
Screen Shot 2015-07-28 at 19.56.27

Mercado de trabalho de programação

Conhece desenvolvedores desempregados? Já ouviu falar de crise na área de tecnologia? Ondas de demissão ou falta de vagas?

É uma área em franco crescimento e a quantidade de profissionais no mercado é menor que a de vagas. Separei alguns números, para os que gostam de números:

“Segundo o IDC, o Brasil já é o 4º maior centro de TI do mundo, ficando atrás apenas de Estados Unidos, China e Japão. É o segmento brasileiro que mais cresce.”

“Estudo realizado pela consultoria IDC, encomendado pela Cisco, aponta que a demanda por profissionais de tecnologia da informação e comunicação (TIC) no Brasil excederá a oferta em 32% no ano de 2015, chegando a uma lacuna de 117.200 trabalhadores especializados em redes e conectividade. O déficit de pessoal na área de Tecnologia da Informação (TI) é de cerca de 40 mil profissionais de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom).”

“Os cargos que apresentam a maior demanda são: Analista de Sistemas, de Programação, de Suporte Técnico, de Processos, Técnico de Telecomunicações, Analista de Rede, Gerente de Projetos, Administrador de Redes, Webmaster e Técnico de Hardware.”

 

O desafio e a recompensa

Porque sofrer tanto programando? Estudar, aprender, ter que ler inglês, ficar tanto tempo pensando, pensando, pensando, criando soluções para problemas… é um grande desafio! Isso dá muito trabalho!!!

Mas, qual a recompensa? É ter o usuário utilizando seu software e sentindo que é a melhor coisa que existe! É ver que você resolveu um problema, e que as pessoas realmente gostam da maneira como você fez. Pra mim é isso.

 

Ambientes: desktop, mobile, web, cloud…

Observe os quatro ambientes da esquerda (A,B,C e D). Agora imagine o que se usa em cada ambiente (1,2,3 e 4).

 

Screen Shot 2015-07-31 at 15.00.39

 

Quando falamos em desenvolvimento de software, podemos desenvolver para uma grama muito grande de ambientes, que vão desde smartphones (iOS, Android, Windows Phone), desktops (Windows, Linux, Mac OS), web, até aparelhos como SmarTVs, carros, equipamentos de telecomunicação e satélites.

Portanto, é importante entender que cada linguagem atende um ou mais ambientes. Com base no ambiente para o qual você deseja produzir seu software, irá buscar as linguagens adequadas.

Então, não passe daqui se definir um ambiente para o qual deseja programa…. Já definiu?

 

Linguagens de programação atuais

Existem dezenas de linguagens de programação. Algumas ultrapassadas, outras antigas mas que nunca morrerão e outras modernas e focadas em alto desempenho e performance. Apresento aqui uma imagem para você ver os “nomes” das linguagens mais populares em 2015. Ignore por agora como foi medida a “popularidade”.

codeeval2015.001

Mas, qual linguagem escolher para aprender afinal?

 

Como escolher a linguagem??

Traduzi o infográfico abaixo que irá lhe conduzir às melhores possibilidades. “Qual linguagem de programação aprender primeiro?“, confira!

 

Qual linguagem de programação escolher - Infográfico

Qual linguagem de programação escolher – Infográfico – Clique para ampliar

 

E então? Achou sua linguagem??? Qual é? Comente ai!

 

Cursos e certificações

Na área de Tecnologia da Informação, certificações podem ser mais importantes que a própria graduação. A Certificação é a maneira da empresa que cria uma tecnologia atestar que você tem conhecimentos suficientes para trabalhar com ela. Poucos profissionais são certificados se comparando com a quantidade de graduados e pós-graduados.

Quando você se certifica, consegue uma “aprovação” de capacidade que poucos desenvolvedores possuem, ou se dedicam a possuir.

Praticamente para todas tecnologias atuais existem alguma forma de certificação. Os valores podem partir de R$100,00 até R$1.000,00 para fazer a prova. Se não passou, não é certificado. Se passou, ganha o direito de dizer que é certificado e claro, recebe um certificado “impresso”.

Mas, acima de tudo isso, mais importante que graduação, pós-graduação e certificação, é saber inglês. Do you think you can read english well? Se não lê bem ainda, foque toda sua atenção nisso.

 

Como aprender online?

A melhor forma de aprender programação por conta própria atualmente, é online. Existem vários sites bem bacanas, que te guiam no aprendizado de forma a parecer quase um game. Não é preciso fazer leituras longas e você já começa praticando, com atividades simples e rápidas que lhe darão a visão necessária para avançar.

Escrevi um post “Aprender programação online, sozinho e do zero” apenas sobre isso, com links para vários cursos e conteúdos de alta qualidade. Confere lá!

 

Aprender programação em 20 horas

Em 2016 dediquei um bom tempo elaborando essa metodologia, onde o objetivo é ensinar programação para um leigo, começando do zero, em apenas 20 horas. Criei uma turma “beta” que está cursando agora e estão conseguindo realmente aprender. Está sendo eficiente e eficaz.

Parto do principio que aprender programação deve ser divertido, que a matemática não deve ser obrigatória, e que não dá pra falar em termos técnicos com alguém que ainda está aprendendo a técnica. Então o formato é informal e com muita explicação por analogia.

Se quiser saber mais vá até Aprender Programação em 20 horas.

 

Agora é com você!

Chega de conversa! Compre um livro, veja uns videos, leia na internet, prepare seu ambiente de desenvolvimento e meta mão na massa! Não deixe para depois e também não desista tão rápido. Começar não é fácil, mas sinta-se a vontade para me perguntar e comente aqui sua evolução.

 
 

Classificado como: Posts Profissionais

Participar comentando (2) →
  1. Carlos Alberto 29 de Janeiro de 2016

    Muito top, acabei um curso técnico em informática agora e estou pensando em cursar ciência da computação por gostar de programação, mais tem um porem, eu também gostei da área de redes de computadores agora meu coração esta dividido, qual é o melhor ? que tem mais futuro ? na sua opinião ?

    Responder
    • Tiago Gouvêa 5 de Fevereiro de 2016

      Olá Carlos,

      Irei produzir uns videos a esse respeito estes dias, te aviso e comento aqui quando estiverem online, ok?

      Responder

Deixe seu comentário

ra