Tiago Gouvêa

Blog

Como escolher um servidor para hospedagem web / wordpress / magento / sistemas e tudo mais

Como escolher um servidor para hospedagem web / wordpress / magento / sistemas e tudo mais

Muitos visitantes me enviam perguntas sobre hospedagem web, servidores cloud, dedicados, hospedagem wordpress e de magento. Se é melhor hospedar no Brasil ou fora, se vale a pena usar hospedagem gratuita, quando é preciso migrar pra um VPS ou dedicado… dai me motivou a escrever este post. Espero que seja bem útil para você. Comente ai depois o que achou, certo?

Empresas brasileiras ou internacionais

Essa é a primeira questão. Se você não está disposto a ter um fornecedor que lhe atenda em inglês, ficará restrito a provedores brasileiro, o que é péssimo, mas, se for o seu caso, já elimine os servidores de fora e vamos seguir para os próximos itens.

Tipo de site/sistema

Mais de 80% dos sites na internet são feitos em PHP, e utilizam-se do Apache e MySql. Com isso a maioria dos provedores oferecem pacotes com esse kit. Normalmente são tratados apenas como “hospedagem PHP” ou “hospedagem WordPress“, “hospedagem magento“, mas são na verdade o mesmo serviço.

Se seu site ou sistema não é em PHP você precisará buscar uma hospedagem que ofereça o tipo de recurso que precisa. Pode ser um servidor Windows ou sistema Ruby on Rails, mas como são poucos casos não vou entrar em detalhes sobre eles aqui.

Servidor/hospedagem WordPress

Se seu site é WordPress, você precisará de uma hospedagem PHP. Não recomendo nenhuma empresa que não seja consolidada, porque este tipo de servidor é alvo de muitos ataques além de oscilação de demanda, onde uma empresa maior terá certamente mais garantia de estabilidade e segurança. Você não vai querer seu site lento ou até offline, porque no mesmo servidor tem um site ruim, cheio de brechas de segurança ou então com grande demanda.

Pra facilitar listo logo quem já te recomendo aqui logo os melhores:

Em inglês > SiteGround ou Hostgator
Em português > KingHost ou Hostgator

Hospedagem magento

Diferente do que muita gente pensa, um servidor para hospedar lojas magento é um servidor comum. Não precisa ser nada super avançado nem ter nenhuma configuração especial pra se “comunicar” com bancos nem operadoras de cartão de crédito. Ouvi recentemente o caso de empresas pagando R$300,00 por mês para hospedar suas lojas, sendo que nem estavam realizando vendas ainda. Em outras palavras, jogando dinheiro fora.

Se você tem menos de 15.000 visitantes únicos mensais, você não deve pagar mais de R$10,00 por mês por um servidor. Acredite.

Se sua loja tem mais de 20.000 visitantes únicos mensais e está decolando, um servidor cloud já não é um investimento alto. Dai o Rackspace é a minha recomendação. Apesar de ter alguns termos em inglês e alguns planos em dollar, o suporte é em português (com brasileiros atendendo) e são especialistas em Magento, o que significa que se algo der errado na sua loja eles saberão o que fazer e como resolver.

Preciso de um servidor dedicado?

Quando o desenvolvedor não sabe como melhorar o desempenho do seu site ou sistema, diz que você deve ir para o um servidor dedicado, VPS ou cloud. Isso acontece o tempo todo. Neste caso você precisa trocar de pessoal, não de servidor.

Vamos deixar claro, se seu site ou loja Magento tem menos de 15.000 visitantes únicos mensais, um servidor simples irá lhe atender sem duvida alguma. Um servidor simples = um dos que recomendo aqui.. não é qualquer servidor barato que achou no Google ou de “um conhecido”. Se você tem um sistema (ao invés de site/loja), se tiver menos de 200 usuários usando ao mesmo tempo, um servidor simples também é suficiente.

Se alguém te falou para comprar um servidor (de verdade, o hardware) e colocar em algum lugar para funcionar, acredite em mim, essa pessoa não sabe o que está falando.

Quando você precisar de um servidor só seu, você não pagará mais que U$70,00 por mês por isso no DigitalOceanRackspace ou no Hostgator.

Servidor de um amigo

Esqueça isso! É roubada! Esse cara cai de moto na rua, bate a cabeça e seu negócio online vai pro brejo. Você perde seus dados, seu domínio e nunca conseguirá acessar um backup. Você só saberá que ele morreu no dia que o servidor dele for tirado do ar por falta de pagamento, e como ele não receberá mais emails, não pagará e ai tudo vai pro espaço. Já vi isso acontecer.

Servidor de hospedagem gratuito

Só use esse tipo de serviço se você for um programador querendo testar algo… qualquer coisa que não possa ser perdida e que não possa ficar off-line, deverá ficar em servidores pagos.

Afinal, o que faz a diferença de um para o outro?

Eu diria que no final das contas, a diferença é mesmo no suporte. Porque em 99,9% do tempo você nem se lembra que existe o tal do servidor, mas quando algo dá errado ou tem algum problema, se você não tiver um bom suporte ficará incrivelmente irritado e frustrado, se sentirá enganado e verdadeiramente um trouxa. Por isso ser bem atendido a qualquer momento é um super diferencial e é o que tenho visto que realmente faz diferença. Pode falar com alguém que realmente entende o problema, e está lá pra te ajudar.

Leia também > Hospedagem WordPress > porque migrei tudo para o Siteground

Mas e os outros servidores?

Você pode estar se perguntando porque não recomendei Locaweb ou UOL host, que são bem “famosos”. Já fui cliente dos dois algumas vezes (muitas delas porque os clientes já usavam) e eu sempre acabava me sentindo um idiota. Desculpe a sinceridade. Para alguns funcionam bem, mas nunca tive sorte com eles, além de terem um suporte amador.

Certa vez colocamos uma servidor virtual na Locaweb, dai um belo dia o servidor parou e não conseguíamos acesso remoto. Entramos em contato com o suporte que depois de analisar a situação disse que a máquina estava com o disco cheio (os logs lotaram o disco principal) e eles não tinham como fazer nada por nós. Da pra acreditar nisso? Não conseguimos nem um snapshot do disco de dados! Isso foi em 2014, então espero que eles já tenham melhorado… mas na época foi uma situação bem delicada e que nos deixou de “saia justa” com o cliente. Tínhamos um backup recente do banco de dados então em poucas horas já estávamos com uma outra máquina online pela Amazon, dando conta do recado.

Quanto UOL, realizei uma investigação em 2015 sobre SPAM no Brasil e concluí que a UOL é a principal financiadora, e quem mais lucra, com SPAM no pais. Se você recebe muito SPAM, saiba que a UOL+PagSeguro estão por trás disso. Quanto a servidores e hospedagem, não é o foco principal deles, é apenas mais um serviço de baixa qualidade.

E você? O que me conta?

Se você já teve problemas com algum provedor, comente aqui! Se utiliza algum que recomenda também sinta-se a vontade em colaborar! Comente!

 
 

Classificado como: Posts Profissionais

Participar comentando (2) →

Deixe seu comentário

mautic is open source marketing automation ra