Iniciativas positivas em Juiz de Fora

Muita coisa boa vem acontecendo na cidade nos últimos tempos, e preciso ressaltar isso também. Listo aqui algumas iniciativas ligada a tecnologia e empreendedorismo que estão acontecendo. Tenho certeza que vou esquecer de algo, ou talvez algum movimento que eu ainda não conheça.

Google Business Group Juiz de Fora

É um encontro periódico para falar de business, marketing digital e como fazer os empreendimentos crescerem através do uso da tecnologia e da internet. O público é formado principalmente por empreendedores ou interessados em abrir o próprio negócio, bem como profissionais do marketing e tecnologia. Já recebeu até hoje cerca de 1.500 pessoas em seus eventos.

Foi iniciado por Renan Caixeiro em 2014 e propiciou o surgimento de vários outros grupos e comunidades. Atualmente sou co-manager no grupo. Mais informações no site do GBGJF.

Google Developers Group Juiz de Fora

Voltado para programadores, promove encontros praticamente toda semana para falar de programação, estudar alguma nova tecnologia e aproximar as pessoas desta área na cidade. Fui em quem trouxe o GDG pra Juiz de Fora em 2014 e sou ainda o principal responsável pelo grupo. Ao todo já impactamos também aproximadamente duas mil pessoas.

Mais informações no site do GDGJF.

Café Digital

Existia em 2010 um evento chamado “quarta-digital”, idealizado pela Areta do Bem e que era voltado para estudos acerca de marketing digital. Dai o Café Digital veio em seguida, puxado principalmente pela Priscila Pinheiro e Renata Curcio.

“O Café Digital é uma comunidade de profissionais e interessados em Marketing e Comunicação Digitais, Empreendedorismo e Inovação, que tem por finalidade somar ideias e assim promover o desenvolvimento pessoal dos participantes e do mercado em Juiz de Fora e região.”

É sem duvida um dos melhores eventos para conhecer gente bacana do mercado, trocar ideias sobre o que tem dado certo ou não no marketing atualmente e até fazer parcerias.

Mais informações no site do café.

Rede Global de Empreendedorismo

É vinculado a Endeavor Brasil, em Juiz de Fora foi iniciado em 2016 pelo André Medina. Percebo que atualmente tem um apelo um pouco mais político do que de atender o público em geral.

A RGE foi criada para desenvolver e engajar ecossistemas empreendedores a transformarem realidades.”

Mais informações no grupo do facebook do RGEJF ou no site da Rede Global.

Outras comunidades e ilhas

A verdade é que depois do GBG iniciar suas atividades, vários outros grupos surgiram (alguns já não existem mais) e a ideia de comunidade se difundiu na cidade, o que é excelente!

Em Juiz de Fora as pessoas avançam em ilhas, isso é um fato. Cada um faz seu movimento, ao invés de participar do movimento do outro. Mas não tem problema, ao meu ver hoje, o importante é fazer algo de bom!

3255 Coworking

Aberto em 2014, o 3255 vem apoiando de forma ativa praticamente todos os grupos da cidade. O proprietário Walbet Vianna é engajado com tudo que diz “startup” e interessado em ajudar. Ao longo dos últimos anos dezenas de eventos aconteceram lá, incluindo o 3255 Lab; uma iniciativa incrível que oferece uma grande variedade de conteúdos gratuitos, ou a preços bem reduzidos.

Enfim.. vejo que passos importantes tem sido dados em Juiz de Fora, e fico feliz de poder fazer parte de tantas iniciativas ligadas a tecnologia.

 

 

Adicionado em setembro de 2017

A prefeitura estava muito desconectada de tudo isso que falei até aqui.

Graças a uma interação entre o Walbet ViannaRenan Caixeiro, Romulo Veiga e eu, desde o final de 2016, surgiu a possibilidade da criação de um conselho independente na prefeitura voltado para demandas de startups, empresas de tecnologia e novas demandas. Fui convidado a participar do conselho juntamente com o Gustavo Oliveira (Handcom) e outras pessoas. O conselho já está trabalhando, aguardando a aprovação final do estatuto pelo prefeito para então homologação.

O objetivo deste conselho é dar apoio as iniciativas ligadas a tecnologia e novos negócios inovadores na cidade. Ainda é muito cedo para falar de resultados, mas já estamos vendo boas possibilidades.

Adicionado em novembro de 2018

Tantas outras comunidades surgiram (e sumiram) nestes anos, que bom! Pessoas foram impactadas e puderem aprender, isso tem muito valor.

Quanto a ideia do conselho, tomei posse fazendo parte da câmara técnica do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação (COMDETI), resultado daquela conversa iniciada em 2016. Mérito especial do Romulo Veiga juntamente com sua equipe, que têm sido visionários e corajosos.

O Sebrae também, vendo que os novos negócios não são mais como os “de antigamente”, vem se adequando de um tempo pra cá, tentando se aproximar das startups, realizando e apoiando eventos periódicos e incentivando as iniciativas relacionadas. 

 

Referências

Conselho de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação é empossado

Conselho voltado para tecnologia e inovação é criado em Juiz de Fora

 

 


Dossiê do Mercado de Tecnologia de Juiz de Fora

Este conteúdo faz parte de uma coleção de posts relacionados e que representam meu ponto de vista sobre o mercado de tecnologia e sua evolução na cidade de Juiz de Fora.




Tiago Gouvêa

Full-stack Developer, fazendo códigos desde o século passado. Criador da metodologia "Aprender programação em 20 horas" e diretor da startup App Masters, voltada para o desenvolvimento de aplicativos. Apaixonado por tecnologia e viciado em café.

Respostas (0)

Escreva uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *