Tiago Gouvêa

Blog

Quanto custa um aplicativo para celular, simples, tipo o uber?

Quanto custa um aplicativo para celular, simples, tipo o uber?

É caro fazer um aplicativo para celular? Quanto custa fazer um app igual ao ifood? Quanto se cobra por um aplicativo simples? Qual o preço para fazer um app tipo uber?

Este tipo de pergunta sempre chega pra mim por email, whatsapp, em grupos ou aqui na App Masters. A resposta certa seria “depende”, mas vou ser um pouco mais detalhista. Vou explicar neste post a dificuldade que é desenvolver um app, e mais no final, detalhar cada parte que pode tornar ainda mais trabalhoso um projeto.

É fácil desenvolver um aplicativo?

Ao longo dos meus 20 anos de experiência como desenvolvedor, já trabalhei em quatro sistemas operacionais e programei em pelo ao menos 12 linguagens diferentes. De tudo que fiz até agora, desenvolver app é o que há de mais difícil! Não que o código em si seja complicado, porque isso de fato não muda muito, mas o ambiente de desenvolvimento, dificuldade de depurar (testar enquanto desenvolve), utilização de recursos da máquina, variedade de dispositivos nos quais deve funcionar… tudo isso faz ser muito difícil desenvolver um app.

Quanto tempo demora fazer um aplicativo?

Fizemos aqui pela minha empresa o Emagreça Já, que hoje (23 de maio de 2018) está em segundo lugar na categoria aplicativo de saúde no Google Play, e em quarto na Apple Store. Foram exatamente 758 horas alocadas até hoje desenvolvendo (usamos o hubstaff para medir o tempo enquanto programamos). Se você olhar o app, poderá pensar que foi feito em bem menos tempo, ou, pode pensar que um programador bom faria em um final de semana. Eu te entendo.

Algumas partes são mais complicadas, e podem tomar muito tempo. Um exemplo disso é submeter o app para a Apple Store. Isso sempre foi difícil. Para seu app estar dentro das “normas” da Apple, para que você considere ele razoável o suficiente para enviar, já irão muitas e muitas horas. Configurar o xcode (ferramenta de desenvolvimento) para publicar o app, já irá tomar muito tempo. Dai você envia para a Apple, que imagino eu, irá recusar seu app de cara. Mais umas duas submissões (sendo otimista) e seu app estará publicado na Apple Store, e lá se foram umas 30 horas, só para publicar para iOS.

Desenvolvemos uma espécie de calculadora para estimar tempo e investimento para criação de apps na App Masters.

Leigos tendem a pensar que uma vez online um app, publicado na loja, é só esquecer ele lá e ver a conta do banco crescer. Na verdade as primeiras semanas depois de publicado são repletas de erros no app. Um usuário que entra com um celular mais antigo, outro com um tablet com a tela maior, outro com conexão ruim… tudo isso faz o app travar aqui e ali, e você vai tendo que subir novas versões com diversos ajustes que não imaginava que seria necessário. Esse usuário vai na loja e te dá uma nota baixa sem pensar duas vezes: “Não funciona essa m3%#@!”. Cada publicação para a loja do Google (gerar o apk, enviar, etc) leva cerca de 20 minutos, para a Apple Store pelo ao menos uma hora, já que você terá que descrever tudo que mudou no app, argumentar porque eles devem aceitar a atualização, etc.

Enfim.. fazer um app consome muito tempo, e olha que nem falei na programação em si.

Programador para parceria, sociedade

Poxa, então o melhor seria ter um sócio programador, certo? Errado! Entenda, não quero te desanimar nem ser o cara “do contra”, mas esses anos todos na minha bagagem servem pra alguma coisa.

Vi muitas vezes desenvolvedores se associarem com empreendedores, com pessoas com ideias. De todas que ví acontecer,  apenas uma chegou ao projeto final. E eu entendo muito bem o que acontece.

No começo é tudo lindo, um vem com a ideia e o outro com o sonho de ficar rico, programando. Dai passam os dias, as semanas, os meses e o desenvolvedor (é sempre ele) começa a perder a empolgação, começa a perceber que só ele trabalha, começa a perceber que fazer um projeto desses, tão grandioso, toma muito mais tempo que parecia no começo… dai o dono da ideia começa a reclamar, afinal já se passaram duas vezes o prazo combinado, e começa a sentir que o programador está deixando de lado o projeto, já não atende mais as ligações, não responde tão rapidamente no whatsapp… E a versão beta? Que nunca sai?

Por fim os dois desistem, o projeto morre e os dois deixam de ser amigos. De cabeça aqui agora lembro de quatro projetos assim só em 2017, de pessoas na minha rede de relacionamento.

Eu diria que 20% dos projetos que chegam na App Masters, foram de sociedades desfeitas assim, que não deram certo, dai o empreendedor quer que a gente continue a programação…

Quanto custa minha ideia?

Eu posso ter dezenas de ideias, se você tiver uma, com certeza ela será melhor que a minha. Para cada pessoa, a sua própria ideia é sempre a melhor. E de fato uma ideia não vale nada, porque ideia tem muita já por ai. Existem sites que enviam pra você, todo dia, uma ideia completamente nova de startup, tal como o Nugget. Se você for a um startup weekend ou hackathon, verá muitas ideias sendo criadas ali, rapidamente…

Com isso, tendo a não achar que uma ideia vale tanto, ou melhor, não vale muito mais que o meu trabalho. Uma ideia sem um programador, é só uma ideia. Não estou desvalorizando as ideias.

O normal é a pessoa que tem a ideia vir até mim, que sou desenvolvedor, acreditando que a ideia dela vale tanto, mas tanto, que vale a pena eu “dedicar um tempinho” pra programar ela de graça…. dai me vem na cabeça algumas coisas…

Primeiro tento imaginar quantos dias eu teria que dedicar nisso. Dai, neste exato momento eu me lembro de algumas ideias que eu tenho, que são bem boas até, sabe!? Poxa, melhor eu dedicar tempo na ideia dos outros ou em uma das minhas? Mesmo se eu não tivesse uma tão boa por agora, outras pessoas já me procuraram com outras boas ideias, que poderiam até ser feitas em menos tempo. Isso me faz já não me interessar tanto pelo projeto.

Depois penso, o que acontecerá se eu desenvolver o projeto inteiro, dedicar centenas de horas, abdicar das horas vagas com minha família pra isso, deixar tudo pronto… e quando chegar a hora do dono da ideia fazer a parte dele (imaginando que seria divulgar, vender, fazer o marketing) ele me falar “mudei de ideia“, ou “passei num concurso”, “estou sem tempo pra dedicar” ou apenas “está sendo muito difícil conseguir clientes/usuários para o aplicativo” e desiste. Dai minhas horas todas teriam sido em vão. Isso me faz sentir que é um projeto de alto risco.

Criar um app é muito difícil!

Eu falei que não era fácil! Quantas pessoas você conhece, que já fizeram um app e publicaram? Não tô falando alguém que diz que fez, ou que diz que sabe fazer. To falando de quem fez mesmo.

São poucos desenvolvedores que tem essa capacidade, não é brincadeira. Por isso um programador mobile no Brasil (não sendo ruim) nunca fica sem emprego. Não existe programador mobile desempregado no mundo.

Mas você deve estar me achando um banana mesmo, só choramingando, reclamando que é difícil e tal. É porque preciso ser sincero. Fazer um site, um sistema desktop é infinitamente mais rápido e fácil de fazer que um app, infelizmente.

Quanto custa para desenvolver um app

Voltando então ao assunto principal, eu diria que não é barato. Se for muito barato, certamente não será algo com tanta qualidade. Se você quer saber por alto quanto custaria seu projeto, pode experimentar essa ferramenta que criarmos na App Masters para estimar o custo de aplicativos.

Existem porém algumas variáveis que farão seu app sair bem mais barato, ou mais caro. Vou falar sobre os principais fatores.

Nativo ou híbrido

Nativo é melhor, mais caro e demora mais para ser feito. Híbrido é mais barato, mais rápido de ser desenvolvido porém a qualidade não será tão boa. Essa escolha tem o poder de fazer um projeto ser três, quatro vezes mais caro.

Só pro Android, só pro iOS ou para os dois?

Estes dois aparelhos, este dois sistemas operacionais são completamente diferentes. Feito por empresas distintas, com interesses distintos, porém não existe nada em comum na forma de programar.

Para criar um app para iOS, você precisa ter um Mac. Isso é um fato. Já para programar para android qualquer PC deveria servir… deveria, mas não serve. O ambiente de desenvolvimento consome muito recurso do computador, então é preciso ter mesmo um i7, com 16 gigas de RAM, pra poder fazer esse carro andar.

Desenvolver o app para Android e iOS é algo que pode fazer um projeto ser duas vezes mais caro.

Design refinado

Uma coisa é fazer um app objetivo, com a interface padrão, básica. Outra é querer tem um estilo próprio. O Google diz que você deve usar Material Design, que é um excelente padrão visual no qual todos os apps deles se encaixam. A Apple por sua vez também tem seu estilo próprio. Se seu app seguir estes estilos é mais simples de ser as telas forem feitas por um designer (não focado em UI,UX).

É mais fácil seguir os estilos padrões, que fazer um estilo próprio. Mas, observe, se seu app for ter o estilo Material Design no Android, e o estilo Apple no iOS, já estamos falando de duas interfaces diferentes.

Com isso, interface é algo que pode fazer um projeto ser três, quatro vezes mais caro.

É uma rede social, ou quase isso

Se o usuário terá um perfil, se poderá conversar com outros usuários, interagir, votar, comentar, recomendar… isso agrega complexidade no desenvolvimento mobile. Isso pode fazer um projeto ser duas vezes mais caro.

Integração com outros sistemas

Muitos aplicativos devem consultar uma base de dados externa, talvez permitir aos clientes visualizar seus boletos em atraso, ou abrirem um ticket de suporte no sistema da própria empresa. Essas integrações costumam ser custosas. Primeiramente porque poucos sistemas no Brasil permitem a integração, ou fornecem uma documentação (manual) clara da integração. Segundo porque toda integração existe muito tempo para testes. Ter um app integrado a outros sistemas pode fazer um projeto ser mais caro.

“Tenho ele todo na minha cabeça”

Começar um projeto sem um protótipo visual é arriscado. Uma tela que pode levar 20 horas para ser feita, pode te parecer feia, e você pedir para ser feita novamente. Isso é perda de tempo.

Na minha empresa, projeto sem protótipo não entra para desenvolvimento. O risco é muito alto, ir fazendo e o cliente vendo, dai um dia o cliente acha que tá tudo feio e que quer igual ao facebook. Esse risco existe!

Outra situação é na reta final o cliente dizer “e o perfil do usuário?”. Que perfil? Ué… na cabeça do cliente ele entende que é óbvio que o usuário tem um perfil, pode ver os perfis de outros usuários, fazer amizades… Por isso um protótipo é essencial para definir o que está dentro, o que está fora, antes de começar a programar.

Não ter um protótipo das telas, ou um desenho detalhado de todos os caminhos do app, pode fazer seu projeto se tornar um grande problema, ou um grande stress.

Notificações

Recebemos notificações a todo o tempo, portanto, devem ser fáceis de implementar. Infelizmente não é assim. Mostrar uma notificação na tela, ali no alto, é coisa rápida demais de ser feita… o problema é “quando” ela deve ser mostrada. Cada app tem uma regra, um momento, uma atualização que dispara e isso pode fazer seu app ser mais caro de ser desenvolvido.

Camera, GPS, mapa, acelerômetro

São todos recursos do aparelho ou do sistema operacional que podem ser usados em seu app, mas todos tomam tempo para serem programados e isso pode fazer seu app custar mais para ser desenvolvido.

Quanto vai custar???

Dividindo em três níveis de qualidade eu diria que:

  • Feito por freelancer, sem tanta qualidade ou sendo um app mesmo bem simples – entre 4 e 8 mil reais
  • Feito com mais qualidade, precisando de mais recursos de tecnologia ou esperando um volume maior de usuários – entre 10 e 30 mil reais
  • Sendo feito para durar, alcançar milhares de usuários, ter ótima qualidade e trazer lucros – partindo de 30 mil reais

Empresas que desenvolvem apps

Eu quero mesmo te indicar a App Masters, porque é a minha empresa. Mas para não ser tão parcial vou te oferecer outras opções.

Se você quer gastar pouco ou não precisa de tanta qualidade te recomendo procurar um freela no getNinjas ou Workana.

Outras empresa boas que posso recomendar, porque conheço o trabalho são Ioasys, Handcom, Framework, Jera… mas já adianto que terão um preço muito maior que o meu. 🙂

 
 

Classificado como: Posts Profissionais

Participar comentando (2) →
  1. Vitor Oliveira 18 de Junho de 2018

    Tiago, parabéns pela matéria, excelente, lendo essa matéria parecia que eu estava lendo meus próprios pensamentos. E há ainda aqueles que perguntam se dá pra lançar em três dias. Por que demora tanto? Vêem o app no celular e não sabem sobre o backend também, que é feito em outra linguagem/plataforma.

    Responder
    • Tiago Gouvêa 10 de Setembro de 2018

      Isso ai Vitor! A coisa toda é cheia de detalhes e só quem está ali no dia a dia fazendo tem ideia do quão difícil é.
      Abraços e grato por participar!

      Responder

Deixe seu comentário